Em um mês, Marcos Valério é denunciado pela terceira vez

Do UOL Notícias
Em São Paulo

O empresário e publicitário Marcos Valério, acusado de ser o operador do esquema do mensalão, foi denunciado pelo Ministério Público de Minas Gerais nesta quarta-feira (17) por sonegação fiscal. É a terceira denúncia que Valério recebe em menos de um mês. No dia 17 de novembro, o empresário foi denunciado pelo mensalão mineiro junto com outras 26 pessoas. Sete dias depois, o Ministério Público Federal em Santos (SP) formalizou a denúncia contra o publicitário em processo em que ele é acusado de ter "encomendado" um inquérito policial falso para prejudicar fiscais da Fazenda.

Desta vez, segundo o MP, Marcos Valério e sua mulher, Renilda Santiago, teriam omitido informações e prestado declarações falsas à Receita Federal relativamente ao Imposto de Renda dos anos de 2001 e 2002.

As retificações, feitas no segundo semestre de 2005, apontaram a sonegação de mais de um R$ 1,7 milhão - com correção monetária e multa proporcional, o total chega a mais de R$ 5 milhões.

Ainda segundo o MP, "pesa contra os acusados ainda o fato de não terem logrado comprovar a origem dos recursos movimentados por eles em mais de oito contas bancárias distintas". Se condenados, Valério e Santiago podem ficar até cinco anos na prisão.

O UOL deixou um recado no celular do advogado de Marcos Valério, mas ainda não obteve retorno.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos