Tiroteio em favela da zona norte do Rio deixa pelo menos seis feridos

Da Agência JB

Foram identificadas agora há pouco, as seis pessoas baleadas durante um intenso tiroteio entre traficantes e policiais civis, na madrugada desta sexta-feira, na Favela Parque União, no Complexo da Maré, zona norte do Rio. O agente Guilherme Brazão Cabral Júnior, de 30 anos, foi ferido no rosto. O trânsito na Linha Vermelha foi interditado por cerca de 20 inutos.

Edmar Ferreira, de 16 anos, Priscillane Santos de Lima, 19, Vinícius Chagas Carvalho, 21, e Raul Barbosa Filho, 26, todos moradores do Parque União, foram baleados e levados para o Hospital Geral de Bonsucesso (HGB). Todos seriam moradores da comunidade. Nenhum deles corre risco de morrer. Lenadro Santos da Silva, 30, levou dois tiros e foi encaminhado para o Hospital Getúlio Vargas (HGV), na Penha. Não há informações sobre seu estado de saúde.

O tiroteio teve início por volta de 1h e envolveu traficantes de facções rivais, segundo a polícia. Policiais da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) teriam sido chamados para intervir. Na chegada ao Parque União, os agentes foram recebidos a tiros e o confronto se intensificou.

PMs do Módulo Operacional de Vias Especiais (Move) foram obrigados a interditar o tráfego na Linha Vermelha, uma das principais vias expressas do Rio, que liga o Centro à Baixada Fluminense.

Moradores denunciaram que pelo menos cinco corpos estariam espalhados na favela.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos