Anac e Gol se reúnem para discutir medidas contra atrasos nos vôos

Do UOL Notícias
No Rio de Janeiro

A diretora-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Solange Paiva, se reúne nesta sexta-feira (26), às 15h, no prédio da agência no Rio de Janeiro, com representantes da Gol/ Varig para analisar medidas para conter os atrasos nos aeroportos brasileiros.

A Infraero (Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária), que administra os aeroportos do país, registra atrasos de 30 minutos ou mais em 14,4% (88 dos 610) vôos registrados entre 0h e 10h desta sexta-feira. Os cancelamentos somam 47, equivalente a 7,7% dos vôos.

Na última segunda-feira (22), antes de participar de um evento no Rio de Janeiro, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, chegou a culpar a Gol/ Varig pela série de atrasos ocorridos nos aeroportos brasileiros.

"O problema é da Gol (empresa aérea). De despachos na Gol. A Gol teve um problema de redução de funcionários. Houve um cancelamento de vôos", afirmou Jobim, dizendo que a empresa demitiu os funcionários, mas que agora está 'precisando deles'.

A Anac notificou a empresa no último dia 23 para que a companhia aérea aumentasse as posições de check-in nos aeroportos do Galeão (RJ), Brasília (DF) e Guarulhos (SP). De acordo com a agência, a Gol/Varig responde por quase 40% dos vôos no Brasil.

"A análise da Anac sobre os problemas da Gol/Varig neste período de fim de ano poderá levar até mesmo ao cancelamento de vôos já autorizados para a companhia. Porém, durante os dias que antecedem o Natal e o Ano Novo, a Agência irá preservar o direito do passageiro e manterá os vôos, cobrando mais eficiência da companhia para que os atrasos sejam reduzidos", disse a agência em um comunicado publicado no dia 23 de dezembro, quando a reunião com a companhia aérea foi convocada.

Ainda segundo a Anac, apesar dos problemas observados no check-in da Gol/Varig, o índice de atrasos no Brasil no mês de dezembro é 29% inferior ao de dezembro de 2007. O índice de cancelamentos de vôos nos primeiros quatro dias da Operação Feliz 2009, que foi iniciada no dia 19 de dezembro, manteve-se na média do segundo semestre do ano, ficando em 2,7% - metade dos 5,6% registrados ao longo do mês de dezembro de 2007.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos