Chuva volta a preocupar em SC; 400 famílias deixam suas casas

Luiz Nunes
Especial para o UOL Notícias
Em Florianópolis (SC)

A chuva voltou a preocupar em Santa Catarina, com precipitações no litoral e Vale do Itajaí durante os três dias do ano. No Sul do Estado, 400 famílias tiveram que deixar suas casas e parte da BR-101 ficou com uma lâmina de 30 centímetros de água sobre a pista. Choveu mais de 200 milímetros nas últimas 24 horas.

Pelo menos seis municípios estão em alerta. Turvo já declarou situação de emergência. A Defesa Civil de Santa Catarina ainda não contabilizou o número de moradores afetados no Estado.

Araranguá também registra problemas. O nível do rio Araranguá subiu 2,6 metros e ameaça casas no município. Em ambas as margens, cerca de mil moradores foram retirados de suas residências, por precaução. Em Ermo e Turvo, há comunidades isoladas e estradas interditadas. Também houve inundação em ruas e casas de Tubarão.

Em Nova Veneza, 36 pessoas estão desabrigadas e 160 desalojadas em razão do aumento de volume do rio Mãe Luzia, em 2,5 metros. Ainda no sul do Estado, há registro de alagamentos e desalojados em Criciúma, Siderópolis, Cocal do Sul e Jacinto Machado.

A chuva trouxe alerta também para outras regiões. Uma casa desabou em São José, na Grande Florianópolis. Os moradores conseguiram sair a tempo e foram abrigados por vizinhos, mas o alerta permanece. As casas - inclusive a que serviu de abrigo - também correm risco de desabar.

No Vale do Itajaí, a Defesa Civil tenta manter contato com 14 pessoas que foram a áreas de risco passar o período de festas e não retornaram. As residências ficam no Morro do Baú - entre Gaspar, Ilhota e Luiz Alves - um dos pontos mais afetados pelas chuvas em novembro.

A Defesa Civil cancelou serviços de desobstrução de vias nas proximidades. Alguns acessos também foram fechados. "Por medida de segurança todos os trabalhos que estavam sendo realizados na região foram suspensos", explica o coordenador da Defesa Civil de Santa Catarina, major Márcio Luiz Alves.

Estradas
Na BR-101, em Capivari de Baixo e Tubarão, a água tomou parte da pista. A lâmina de 30 centímetros prejudica o tráfego no sentido Sul-Norte, nos quilômetros 326 e 335. Na SC-445, entre Criciúma e Forquilhinha, chegou a ser registrado um metro de água sobre o asfalto no quilômetro 46.

Em Florianópolis, uma árvore caiu sobre a avenida Beiramar Norte, causando interdição parcial no trânsito. Na SC-416, entre Jaraguá do Sul e Pomerode, a passagem pelos quilômetros 30 e 34 está bloqueadas desde o período de chuva forte, em novembro, devido à queda de barreira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos