Treze cidades decretam situação de emergência em SC devido à chuva

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

Atualizada às 16h37

O número de cidades em estado de emergência no sul de Santa Catarina subiu para 13 devido às novas chuvas que atingiram o Estado no último fim de semana. De acordo com a Defesa Civil estadual, Morro da Fumaça decretou emergência. As outras cidades são Araranguá, Criciúma, Forquilhinhas, Jacinto Machado, Turvo, Nova Veneza, Içara, Ermo, Lauro Müller, Siderópolis, Meleiro e Timbé do Sul.

Liberação de recursos à SC

Somente 32% de R$ 360 milhões destinados à SC foram utilizados até agora, afirma secretário

Outros seis municípios também foram afetados, mas ainda não encaminharam decreto. São eles: Urussanga, Tubarão, Jaguaruna, Laguna, São Martinho e Praia Grande. Araranguá e Criciúma estão entre as cidades mais atingidas pelas enchentes. Nova Veneza registra danos no sistema de abastecimento de água, energia, transporte e comunicação.

Ainda segundo a Defesa Civil, o número de desabrigados e desalojados já chega a 2.717, sendo 639 desabrigados e 2.078 desalojados. O Estado não registra mais chuvas nesta terça-feira, mas o diretor estadual de Defesa Civil, major Márcio Luiz Alves, afirma que o número de moradores afetados aumentou devido às informações mais precisas fornecidas pelas prefeituras. "Muitas prefeituras só enviaram informações nesta segunda-feira, por isso há alterações nos dados", afirma, em nota.

Ao contrário da catástrofe que assolou o Estado no fim de novembro, não houve registro de mortes neste mês. Outra diferença é que o registro de deslizamentos de terra é pequeno e a maior proporção de casas atingidas se refere a inundações.


Estradas
A BR-101, que estava interditada por conta do alagamento na pista entre os quilômetros 404 e 412, foi liberada para o tráfego de veículos de cargas na manhã de hoje.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), para automóveis ainda há o desvio pelas cidades de Forquilhinha, Meleiro, Turvo e Ermo, devido à permanência de cerca de um metro de água sobre a pista.

A Defesa Civil afirma que, com a previsão de sol para os próximos dias, a tendência é que as águas baixem e a situação comece a se normalizar no decorrer desta semana.

* Com informações de Luiz Nunes, em Florianópolis (SC)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos