Mais de 80 mil vítimas das enchentes de Santa Catarina já usaram recursos do FGTS

Da Agência Brasil
Em Brasília

A Caixa Econômica Federal divulgou hoje (14) um balanço das ações emergenciais para as vítimas das chuvas que atingiram Santa Catarina no final do ano.

Mais de 82 mil pessoas já efetuaram o saque do saldo existente na conta vinculada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), no valor de R$ 152 milhões.

Polícia inocenta três no caso de desvios de doações em Blumenau (SC)

As investigações da Polícia Civil sobre desvios de donativos às vítimas das chuvas de Santa Catarina terminaram sem o indiciamento de voluntários e autoridades do centro de distribuição da Vila Germânica de Blumenau (SC)


A Caixa também atendeu a pedidos de seguro habitacional, tendo enviado para isso força-tarefa da Caixa Seguros deslocada de Brasília para o Vale do Itajaí, no mês de dezembro. O banco reforçou o quadro de engenheiros próprios para agilizar as vistorias dos imóveis.

Além disso, a Caixa autorizou a contratação temporária de 130 atendentes e estagiários para compor as centrais de atendimento ao trabalhador.

Outra ação do banco para auxiliar a população atingida pelas enchentes no Estado foi a alocação de R$ 50 milhões de recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), na modalidade Giro Caixa, além de recursos PIS para micro e pequenas empresas, com custos da Taxa Referencial (TR) mais juros de 0,83% ao mês. Nessa modalidade, já foram contratadas 467 operações, totalizando R$ 8,521 milhões.

A Caixa concedeu ainda carência de até seis meses para contratações de financiamento habitacional com recursos da poupança e opção de carência de até três meses para prestações de financiamentos habitacionais em vigor, com incorporação de encargos.

O banco ofereceu facilidades para a construção ou reforma de imóveis com recursos do FGTS, por meio da Carta de Crédito FGTS - Material de Construção, e proporcionou contratações pelo cartão Construcard para reparos de imóveis residenciais da zona rural, nos municípios em estado de calamidade pública.

Para os servidores públicos municipais, a Caixa está proporcionando empréstimos com desconto em folha de pagamento, em prazo especial de até 72 meses e taxas de juros a partir de 1,64% ao mês. Os servidores estaduais também foram beneficiados com ampliação do prazo do crédito consignado de 48 para 60 meses e taxas de juros a partir de 1,80% ao mês.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos