FGV divulga estudo confirmando expansão da "nova classe média" no país

Gilberto Costa
Da Agência Brasil
Em Brasília

O chefe do Centro de Políticas Sociais da Fundação Getulio Vargas (FGV), Marcelo Néri, divulga amanhã (11) os resultados de uma análise da instituição que confirma a ascensão social e a expansão da classe C no país.

Segundo a FGV, a "classe média emergente" correspondia, em dezembro do ano passado, a 53,8% do total de brasileiros das seis maiores regiões metropolitanas do Brasil avaliadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na Pesquisa Mensal de Emprego.

Nas seis regiões metropolitanas (Recife, Salvador, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre), as classes A e B também cresceram - a expansão foi de 3,9%.

O estudo da FGV abrange o período posterior a setembro de 2008, considerado limítrofe entre o processo de expansão da economia e o começo na queda de produção que gerou desligamentos no final do ano em diversos setores de atividade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos