Polícia do Rio prende suposto novo chefe do tráfico da Mangueira

Do UOL Notícias
Em São Paulo

A Delegacia de Combate às Drogas (Dcod) do Rio de Janeiro anunciou a prisão, na manhã desta terça-feira (10), na Favela do Rato Molhado, no Jacaré, Wellington da Silva Assumpção, o Tonton, 26 anos, que assumiu o comando do tráfico de entorpecentes do Morro da Mangueira, depois da morte de Leandro Monteiro Reis, o Pitbull, durante uma operação policial naquela comunidade, em janeiro.

De acordo com o delegado Marcus Vinícius Braga, titular da Dcod, Tonton passou a comandar o Morro da Mangueira por ordem de traficantes de um presídio, possivelmente Bangu 1. Segundo as investigações, ele saía da comunidade em dias de grandes operações policiais e se escondia na casa da mulher, na Favela do Rato, onde foi preso.

O delegado afirma que Tonton tinha pelo menos um informante, que o avisava no caso de qualquer ação policial na cidade. Com esta informação, o traficante se escondia na casa da mulher, temeroso da operação chegar na Mangueira. Assim, os agentes esperaram a realização da ação na Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, foram até a Favela do Rato Molhado, e o prenderam.

A prisão foi feita por seis agentes da Dcod. Não houve troca de tiros, e o traficante não resistiu à prisão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos