Após despejo, Orquestra Sinfônica de Santa Catarina deve alugar casarão

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

A Orquestra Sinfônica de Santa Catarina (Ossca) deverá alugar um casarão no Centro de Florianópolis após ter sido despejada na tarde de segunda-feira (16) do Centro Integrado de Cultura (CIC), em que ocupava sete salas irregularmente havia 15 anos. As informações são do "Diário Catarinense".
  • Júlio Cavalheiro/Agência RBS

    A reintegração administrativa de posse das sete salas ocupadas pela Ossca foi feita porque não havia contrato entre o governo do Estado e a Associação Cultural Orquestra Sinfônica de SC



O aluguel do casarão foi decidido na manhã desta terça (17) em reunião entre o maestro e presidente da associação que administra a Ossca, José Nillo Valle, e o secretário de Cultura, Turismo e Esporte, Gilmar Knaesel, para discutir a situação dos músicos.

A despesa seria paga pelo governo do Estado, que anualmente repassa recursos do fundo cultural para a manutenção da Ossca. O contrato de locação seria firmado entre a orquestra e o proprietário do imóvel.

A reintegração administrativa de posse das sete salas ocupadas pela Ossca foi feita porque não havia contrato entre o governo do Estado e a Associação Cultural Orquestra Sinfônica de Santa Catarina, que administra a orquestra.

Apesar do nome, a Ossca é uma entidade privada que não possui vínculo com o governo. Desde quando foi fundada, em 1993, ela funcionava no CIC em um espaço cedido informalmente pela fundação. Valle foi notificado de que precisaria sair do local em novembro do ano passado, após a Procuradoria do Estado solicitar a regularização do espaço.

Informações do "Diário Catarinense"

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos