Choque de Ordem derruba shopping ilegal no Rio de Janeiro

Da Agência JB

A Secretaria Especial da Ordem Pública acaba de demolir um shopping que estava sendo construído irregularmente na rua Gilka Machado, no Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro. Além de não ter autorização, a área em que foi erguida a construção de mil metros quadrados é pública. Essa não é a primeira vez que invasões seguidas de construções ilegais ocorrem nos lotes locais, que totalizam 1,5 mil metros quadrados.

O responsável pela obra irregular, André da Silva Neves, não tinha projeto e nem licença da prefeitura para executar a construção. Desde 2007, recebe notificações, embargos e multas. O edital de demolição foi expedido em 2009. De forma ilegal, Neves pretendia construir um prédio de cinco andares, sendo o primeiro andar com 16 lojas.

Neves negou que o prédio esteja em área pública, mostrando a escritura de compra. Ele contou ainda que deu entrada na licença há um ano e a prefeitura ficou de analisar o caso. "Aqui tudo é feito assim. Eu fui um dos poucos, talvez o único a legalizar uma obra nessa região", ressalta o proprietário.

Com a demolição, o prejuízo estimado foi de R$ 500 mil. Os 30 funcionários que trabalhavam no canteiro de obras serão demitidos. Neves adiantou que vai procurar saber qual medida judicial será cabível para tentar amenizar o problema.

"Hoje o prefeito conseguiu desempregar 30 pessoas. É muito mais fácil demolir do que tentar resolver o problema. Isso não é atitude de administrador", criticou.

O secretário Rodrigo Bethlem, junto com os subsecretários de Controle Urbano, Alex Costa, e Operações, Carlos Oliveira, acompanhou os trabalhos de demolição que mobilizaram 80 guardas municipais, 15 policiais militares, entre outros funcionários.

"A ausência do poder público possibilitou que uma área destinada ao lazer virasse objeto de especulação imobiliária e invasão", disse Betlhem. O secretário afirmou que vai elaborar um projeto para a construção de uma praça no local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos