Greve de ônibus tumultua região de Niterói nesta sexta-feira, no RJ

Da Agência JB

A greve dos ônibus que atinge os municípios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Tanguá, na região metropolitana do Rio, e Maricá, na região dos Lagos, que começou hoje de madrugada, deixou o trânsito lento e, em alguns pontos, engarrafado.

Greve de ônibus atinge 1 milhão de pessoas na região metropolitana do Rio

A greve de rodoviários deflagrada na madrugada desta sexta-feira em cinco municípios da região metropolitana do Rio de Janeiro atinge 1 milhão de pessoas, estima o sindicato patronal da categoria no Estado

A ponte Rio-Niterói está com retenção em vários pontos e sua travessia está durando cerca de 20 minutos. A alameda São Boa Ventura, avenida do Contorno e a avenida Marquês de Paraná tiveram trânsito intenso e lento esta manhã.

As barcas colocaram horários extras, com saídas a cada 10 minutos. Os poucos ônibus que circularam hoje estavam com lotação acima do permitido. Passageiros que lotavam os pontos de ônibus não conseguiam embarcar nos coletivos. Vans também trafegavam com excesso de passageiros.

As escolas tiveram grande número de falta de alunos. O jornalista Leandro Souto Maior contou ter demorado 1h30 para percorrer o trajeto de sua casa, em Piratininga, região oceânica de Niterói, para o centro do Rio. "Há muitas retenções e o trânsito está muito lento. Os pontos de ônibus estão lotados", contou.

Algumas linhas de ônibus de São Gonçalo voltaram a funcionar no fim da manhã. As trinta empresas que constituem o Setrerj (Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro) tiveram sua frota parcialmente paralisada. Dos 3.000 ônibus da frota, cerca de 40% circulou nas primeiras horas da operação e estima-se que 60% já voltaram a operar.

Até o momento, 12 ônibus foram depredados por piqueteiros, sendo seis da viação Rio Ita, três da Auto Lotação Ingá e três da Viação Pendotiba, afirma nota do sindicato.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos