Rodoviários em greve e empresas discutem acordo no Ministério do Trabalho, no RJ

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Representantes dos rodoviários dos municípios de Duque de Caxias e Magé, no Rio de Janeiro, estão reunidos desde as 14h com os setores patronais no prédio do Ministério do Trabalho, na capital do Estado. Desde a madrugada dessa terça-feira, motoristas e cobradores estão em greve por aumento salarial.

Greve de ônibus nesta terça-feira

Os cerca de 3.000 rodoviários dos dois municípios reivindicam um reajuste salarial de 10%, mais cesta básica de R$ 60. O Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários em Duque de Caxias e Magé (Setransduc) ofereceu 7% para o salário e 10% para a cesta básica.

Boletim divulgado pelo sindicato patronal afirma que os veículos das empresa Fabio's, Limousine Carioca e Jurema não estão circulando. Já as empresas Machado e União estão operando com 30% da frota e a Trel, com 35%.

A desembargadora Glória Ferreira Melo, do Tribunal Regional do Trabalho, determinou em medida cautelar que o sindicato dos rodoviários garanta a circulação do mínimo de 40% da frota. Em caso de descumprimento, a multa diária é de R$ 50 mil.

Segundo a Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor), cerca de 700 mil pessoas são atingidas pela greve.

Paralisação em cinco municípios
Na sexta-feira passada, os rodoviários de cinco municípios da região metropolitana do Rio (Niterói, São Gonçalo, Maricá, Tanguá e Itaboraí) entraram em greve. De acordo com os setores patronais, a paralisação, que terminou no mesmo dia, atingiu 1 milhão de pessoas.

Os grevistas decidiram durante assembleia aceitar a proposta de reajuste salarial de 7% feita pelo Setrerj (Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do estado do Rio), além de um aumento de 10% no valor da cesta básica e de 10% no valor quadrimestral do uniforme, segundo a Fetranspor.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos