Outono pode ser mais frio este ano, afirma meteorologista

Da Agência Brasil

O outono brasileiro é caracterizado pelo clima seco e as temperaturas amenas, entretanto, esse período, em 2009, pode ser mais frio do que nos anos anteriores.

De acordo com o meteorologista chefe do serviço de pesquisas aplicadas do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Expedito Rebello, isso deve ocorrer como consequência do resfriamento das águas do Oceano Pacífico.

Segundo ele, o volume de chuvas deve diminuir até o fim deste mês e as temperaturas podem cair com mais intensidade nas regiões Sul e Sudeste do país.

"Com essa perspectiva, nós temos o prognóstico de o outono ser um pouco mais frio este ano. A principal preocupação é realmente o frio", disse.

A análise meteorológica aponta que não haverá quedas bruscas de temperatura na região Nordeste, pois as massas de ar de origem polar só chegam até o sul da Bahia. Além disso, a chuva intensa em alguns estados da região deve continuar até julho.

"Está chovendo bem em algumas áreas, principalmente no norte do Nordeste, mas em outras, ainda há chuvas insuficientes e muito mal distribuídas. Então, nós temos três meses de expectativa de chuva para essa região", afirmou.

Em abril, o período chuvoso deve continuar nos estados de Goiás e do Mato Grosso. Entretanto, a partir de maio, começa o período de seca na região Centro-Oeste.

"De maio a setembro, os valores da umidade relativa do ar, principalmente no período de 11h às 16h, são bastante baixas nessa região", disse o meteorologista.

Durante esta semana, a chuva será intensa em grande parte do Brasil. De acordo com a previsão do Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec), as pancadas de chuva poderão ser fortes em Minas Gerais, em Goiás, no Distrito Federal, em Mato Grosso, na região Norte, no Maranhão, na Bahia, no Piauí, em grande parte de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos