Minc confirma R$ 48 milhões para projetos ambientais na Região dos Lagos

Nielmar de Oliveira
Da Agência Brasil
No Rio de Janeiro

Os municípios da Região dos Lagos, no Rio de Janeiro, vão receber R$ 48 milhões para novos projetos e cursos de preservação ambiental. O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, confirmou a liberação do dinheiro na cerimônia de apresentação do plano de manejo da Área de Preservação Ambiental (APA) de Massambaba, entre Cabo Frio e São Pedro da Aldeia, e da formação do consórcio dos municípios para instalação de um aterro sanitário, na divisa de Araruama e Saquarema.

Minc elogiou os projetos já em andamento e os resultados obtidos e garantiu a continuidade dos trabalhos de preservação de áreas de conservação e de despoluição da Lagoa de Araruama - que no início deste ano sofreu com a mortandade de toneladas de peixes em consequência da decisão da Pró-Lagos (empresa de águas e esgotos da região) de despejar esgoto in-natura na lagoa.

"Os investimentos em projetos de conservação e recuperação do meio ambiente que estão em andamento aqui devem servir de modelo e serem replicados para o resto do país", afirmou Minc aos prefeitos da região.

O ministro do Meio Ambiente disse ainda que a medida é apenas "o pontapé inicial", e que ainda há muita coisa a fazer em prol da preservação das dunas, dos manguezais, das lagoas e unidades de conservação da Região dos Lagos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos