Justiça determina pagamento de indenização a família de garçom do Bateau Mouche

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

A empresa Cavalo Marinho, que responde pelo naufrágio do Bateau Mouche, no Rio de Janeiro, ocorrido há 20 anos, foi condenada a pagar R$ 436 mil à família de um dos garçons que trabalhava no navio e morreu no acidente. Na ocasião, das 153 pessoas a bordo, 55 morreram.

Tragédia do Bateau Mouche completa 20 anos e famílias esperam indenização

Além de ser um dos naufrágios mais famosos do Brasil, o afundamento do Bateau Mouche, que completou 20 anos, guarda também um outro triste recorde: o de morosidade da Justiça.

A decisão foi publicada ontem no Diário Oficial do Rio de Janeiro. De acordo com Leonardo Amarante, advogado da família, é a primeira vez que a empresa Cavalo Marinho, responsável pela embarcação, vai pagar indenização, já que a outra única foi paga pela União. "Condenações, há várias, a questão é que nenhuma resultou em pagamento [pela empresa]", disse.

O pagamento foi determinado pelo juiz Alexandre Mesquita, da 40ª Vara Cível do Rio de Janeiro. De acordo com Amarante, a empresa deve pagar até o final da semana que vem.

Amarante afirma ainda que vai entrar com outro pedido de indenização, já que o valor pago corresponde a quase a metade do pedido inicialmente, de R$ 800 mil.

Até o final do ano passado, quando o acidente completou 20 anos, apenas uma ação, da família de um outro garçom que morreu, havia resultado no pagamento de uma indenização, no valor de R$ 20 mil.

O Bateau Mouche, uma embarcação de luxo que levava passageiros da alta sociedade para assistir à queima de fogos do Réveillon de Copacabana (zona sul), naufragou no dia 31 de dezembro de 1988 na Baía de Guanabara, no Rio. Um laudo da Polícia Civil apontou, na época, que o navio estava superlotado e com uma série de falhas.

*'Com informações da Folha Online'

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos