Sobe para 25 o número de casos suspeitos de gripe suína no Brasil

Do UOL Notícias Em São Paulo

O número de casos suspeitos da gripe suína no Brasil subiu de 15 para 25, de acordo com informações do Ministério da Saúde. São 10 casos no Estado de São Paulo, 4 em Minas Gerais, 3 no Rio de Janeiro, 2 no Distrito Federal, 2 no Tocantins, e 1 em Goiás, Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina.


O Ministério afirma que outros 36 casos estão em monitoramento em 19 Estados e 60 foram descartados, a maioria (26) em São Paulo. Dos monitorados, 7 estão em São Paulo, 4 no Rio Grande do Norte e em Sergipe, 3 em Minas Gerais e no Rio de Janeiro, 2 no Amazonas, Mato Grosso do Sul, Pará e Paraíba e 1 na Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Paraná, Pernambuco e Rio Grande do Sul.

Os números referem-se a informações repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde até as 9h30 desta segunda-feira.

O Gabinete Permanente de Emergências do Ministério da Saúde alterou na última sexta-feira a definição de caso suspeito e em monitoramento para o vírus Influenza A (H1N1) para ampliar também a vigilância da circulação do vírus. A mudança ocorreu, segundo o Ministério da Saúde, a partir da ampliação do número de países com confirmações de casos da doença e, ainda, o aumento de áreas afetadas pelo vírus dentro de alguns desses países.

De acordo com as novas regras, passam a ser consideradas suspeitas de ter a doença pessoas provenientes de qualquer área dos países com confirmação de casos e que apresentem os sintomas gripe suína ou que tenham tido contato próximo com pessoas infectadas. Antes eram enquadradas nessa categoria pessoas que vinham apenas de áreas afetadas dentro desses países.

Antes também eram considerados em monitoramento os casos que vinham de área sem ocorrência em países afetados e que tinham alguns dos sintomas referidos na definição de caso suspeito. Com as mudanças, serão monitoradas também pessoas que tiverem os sintomas compatíveis com o quadro suspeito da doença e que sejam provenientes de países não afetados.

No mundo
O número de casos confirmados da gripe suína pela Organização Mundial da Saúde (OMS) passou de mil em 21 países, disse nesta segunda-feira a chefe da organização, Margaret Chan.

Em declaração à Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) por videolink de Genebra, Chan afirmou que "não há indicação de que estamos enfrentando uma situação similar à de 1918", quando uma pandemia de gripe matou milhões de pessoas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos