Número de infectados pela gripe suína no Brasil chega a 43

Do UOL Notícias* Em São Paulo

O Ministério da Saúde divulgou, por meio de nota oficial, que foram confirmados três novos casos de infecção pelo vírus influenza A (H1N1) - dois em Santa Catarina e um em São Paulo. Com os novos casos, o total de confirmados no país chega a 43.

Os pacientes de Santa Catarina foram infectados pelo contato com pessoas que já haviam sido diagnosticadas com a doença e que a contraíram em viagem ao exterior. Já o paciente de São Paulo foi infectado durante viagem aos Estados Unidos. De acordo com o Ministério da Saúde, os três estão em tratamento e passam bem.

Dos casos confirmados, 11 são de transmissão autóctone (dentro do território nacional), todos com vínculos epidemiológicos com pacientes procedentes do exterior, como nos dois casos de Santa Catarina confirmados hoje.

Os casos confirmados foram registrados em São Paulo (18), Rio de Janeiro (9), Santa Catarina (8), Tocantins (3), Mato Grosso (2), Distrito Federal, (1) Minas Gerais (1) e Rio Grande do Sul (1).

O Ministério da Saúde também acompanha 45 casos suspeitos de gripe suína no país. As amostras com secreções respiratórias dos pacientes estão em análise laboratorial. Outros 437 casos suspeitos foram descartados.

Os casos suspeitos estão nos Estados de São Paulo (21), Santa Catarina (7), Rio de Janeiro (2), Paraná (1), Distrito Federal (2), Bahia (2), Alagoas (1), Goiás (1), Rio Grande do Norte (2), Rondônia (2), Minas Gerais (1), Tocantins (1), Pernambuco (1) e Piauí (1). Os números são referentes a informações divulgadas pelas secretarias estaduais de Saúde até as 9h30 desta quarta-feira (10).

O Ministério da Saúde afirma que a transmissão no Brasil é limitada e que não há evidência de sustentabilidade da transmissão de pessoa a pessoa do vírus da gripe.

  • 1. As definições de caso em monitoramento, suspeito, confirmados e descartados estão disponíveis e atualizadas no Protocolo de Procedimentos e Manejo de Casos e Contatos de Influenza A(H1N1), que pode ser consultado no site do ministério.
    2. O total de casos em monitoramento e suspeitos pode variar de acordo com a reclassificação dos casos e o total de casos confirmados e descartados será sempre cumulativo.



*Com informações da Agência Brasil

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos