Anac autoriza BRA a operar voos de pacotes turísticos e fretados

Do UOL Notícias
Em São Paulo

A companhia aérea de baixo custo BRA recebeu autorização da Anac (Agência Nacional da Aviação Civil) para operar voos fretados e do tipo charter IT, que agregam passagem de avião a pacotes terrestres, informou nesta quinta-feira (18) a Anac. A empresa, no entanto, só poderá vender serviços para prazos de até três meses após a compra.

A BRA entrou em recuperação judicial, medida legal para evitar a falência da empresa, em novembro de 2007, mesmo mês em que suspendeu todos os seus voos por conta de problemas financeiros - sem apresentar um plano de contingência aos passageiros que já tinham comprado bilhetes.

Até então a companhia aérea operava regularmente e vendia passagens por prazos de até um ano após a compra do bilhete. Após a suspensão de seus voos, a BRA fez um acordo com a OceanAir para atender os donos de pacotes da agência de viagens. PNX, TAM, Gol, Varig e WebJet também endossaram bilhetes de clientes da BRA.

As dívidas da BRA foram estimadas em US$ 100 milhões em 2007. A autorização anunciada pela Anac nesta quinta-feira vale por um ano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos