Suspeito de estelionato é preso em Betim (MG) após vender casa que não existia

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Um homem de 22 anos foi preso nesta segunda-feira (29) em Betim, na Grande Belo Horizonte, após fechar um contrato de compra e venda de um imóvel que não existia. Segundo o site do jornal mineiro "O Tempo", o rapaz é suspeito de estelionato.

O jovem teria se apresentado ao comprador, de 44 anos, como corretor imobiliário e oferecido uma casa avaliada em R$ 18 mil no bairro de Laranjeiras. A vítima do suposto golpe disse à polícia que visitou um imóvel, assinou o contrato no último dia 18 e só hoje descobriu que o endereço que consta no documento não existe.

A casa que o comprador visitou antes de fechar o negócio não era a do documento, segundo o site do jornal "O Tempo". A Polícia Militar disse ao jornal que o suspeito tem passagem por roubo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos