Nível do rio Negro baixa 21 cm, mas Defesa Civil ainda se preocupa

Amanda Mota
Da Agência Brasil
Em Manaus

Depois de baixar 21 cm em comparação com a marca do dia 2 deste mês, quando alcançou a maior cota dos últimos 100 anos - 29,77 metros -, o nível do rio Negro em Manaus chegou hoje (15) a 29,56 m.

Segundo o Serviço Geológico do Brasil, o volume do rio tem diminuído em média 2 cm a cada 24h nos últimos dias. De ontem para hoje, no entanto, a redução dobrou e foi de 4 cm.

Na avaliação de um dos coordenadores da Defesa Civil de Manaus, Ariosto Rosário, apesar dos sinais evidentes da vazante do rio Negro na cidade, ainda não é possível falar de uma situação de normalidade.

"Apesar dessa redução importante e significativa, ainda não voltamos à normalidade. Obviamente, a população está mais calma e, pouco a pouco, retoma sua rotina. Ainda assim, só poderemos falar [em normalidade] quando o [nível do] rio Negro voltar a pelo menos 28 m", disse Rosário.

De acordo com o coordenador, pelo menos 80 famílias continuam sob proteção da Defesa Civil em um dos três abrigos onde estão alojados os atingidos pelas enchentes em Manaus. Ele lembrou que ruas importantes no centro da capital, entre elas a centenária avenida Eduardo Ribeiro, no trecho em frente à alfândega, ainda estão interditadas.

A Defesa Civil informou, porém, que não há mais perigo de transbordamento nessa área e que por isso a via deve ser liberada ainda hoje (15). "Estamos numa fase de limpeza e desratização dessas ruas. No caso da avenida Eduardo Ribeiro, apesar de a alagação ter terminado, somente após a conclusão dessa etapa é que ela voltará à sua normalidade."

De acordo com os registros históricos do Serviço Geológico no Amazonas, as maiores médias no volume do rio Negro foram registradas nos anos de 1953 (29,69 m) 1976 (29,61 m) e 1989 (29,42 m). O ano de 2009 ficará marcado historicamente porque registrou a maior cota desde que tiveram início as medições em 1902, com 29,77 m.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos