PRF realiza maior apreensão de medicamentos contrabandeados do ano no Paraná

Do UOL Notícias
Em São Paulo

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu 34 mil comprimidos de remédios anti-reumáticos, abortivos e estimulantes sexuais paraguaios de comercialização proibida no país na manhã de domingo (19), durante fiscalização na BR-277, em Céu Azul, oeste do Paraná.

Segundo a PRF, é a maior apreensão de medicamentos contrabandeados registrada neste ano no Estado e equivale a 30% do que foi apreendido em 2008. A mercadoria estava na bagagem do passageiro de um ônibus estadual e teria como destino a capital.

Por volta das 11h de domingo, os policiais abordaram, no quilômetro 642 da rodovia, um ônibus de viagem com itinerário Foz do Iguaçu - Curitiba. Durante revista ao bagageiro, foram encontrados 20 mil comprimidos de Rheumazim - remédio utilizado para reumatismo, 10 mil unidades de Pramil, também conhecido como viagra paraguaio e 4.000 comprimidos do abortivo Citotec, escondidos dentro de um microcomputador e de um aparelho de som.

O dono dos produtos, de 49 anos, cujo nome não foi divulgado, assumiu a propriedade dos medicamentos e foi preso em flagrante por contrabando. Aos policiais, ele disse que pegou as cartelas em Foz do Iguaçu e receberia R$ 500 para levá-las até Maringá (PR).

De acordo com dados da PRF, é comum que os contrabandistas comprem abortivos no Paraguai, como o Citotec, e comercializem cada comprimido por R$ 50 no Brasil. Deste modo, a polícia tirou de circulação pelo menos R$ 200 mil, que entrariam no mercado clandestino.

Este ano, foram apreendidos somente pela PRF no Paraná 66 mil unidades de medicamentos contrabandeados. Em 2008, foram 123 mil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos