MPF denuncia homem que invadiu avião após perder o embarque no Amapá

Do UOL Notícias
Em São Paulo

O Ministério Público Federal no Amapá (MPF/AP) denunciou um homem que invadiu um avião e impediu a decolagem do mesmo após perder o horário de embarque. O caso aconteceu durante o voo 3715 da TAM, que saia de Macapá em direção a Belém. A denúncia foi apresentada no último dia 16. Um outro caso semelhante no Estado, ocorrido em maio deste ano, também foi alvo de denúncia do MPF.

Segundo nota do ministério, o homem invadiu o avião após perder o horário de embarque e impediu a decolagem, o que "colocou em risco a segurança da aeronave e dos demais passageiros".

O denunciado discutiu com funcionários da empresa e invadiu o avião por meio do acesso exclusivo aos funcionários. Ainda segundo o MPF, "após passar cerca de dez minutos na cabine do piloto, tentando evitar a decolagem do avião, o denunciado foi convencido a sair da aeronave".

O homem foi denunciado com base no artigo 261 do Código Penal, que tipifica o crime como "expor a perigo embarcação ou aeronave, própria ou alheia, ou praticar qualquer ato tendente a impedir ou dificultar navegação marítima, fluvial ou aérea". A pena vai de dois a cinco anos de prisão.

Caso em maio
Em outro caso denunciado pelo MPF no Amapá, o acusado invadiu a área de segurança e impediu os procedimentos de decolagem do voo 3719, também da TAM. O homem também estava atrasado e invadiu a pista, agarrando-se à tela de proteção colocada antes do fechamento das bagagens.

Após a confusão, o passageiro foi convencido a viajar em outro voo da companhia aérea.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos