Juiz nega liberdade a turistas inglesas acusadas de estelionato no Rio

Do UOL Notícias
Em São Paulo

As turistas britânicas Shanti Simone Andrews e Rebecca Claire Turner seguem presas no Rio de Janeiro por estelionato, depois de tentarem aplicar o "golpe do seguro". O pedido de liberdade provisória para elas foi indeferido nesta quinta-feira (30) pelo juiz Flávio Itabaiana Nicolau, titular da 27ª Vara Criminal do Rio.

Elas foram presas no dia 26 quando foram à Delegacia de Atendimento ao Turista (Deat) para registrar um furto do qual teriam sido vítimas durante uma viagem de ônibus entre Foz de Iguaçu e o Rio de Janeiro.

Os policiais desconfiaram da atitude das duas e foram até o albergue onde elas estavam hospedadas. Lá, na companhia de um funcionário do local, encontraram os bens que elas diziam terem sido furtados.

Na decisão, o juiz escreveu que "em virtude de serem nacionais do Reino Unido da Grã-Bretanha e residirem na Inglaterra, as rés, em liberdade, poderão retornar ao país de origem e, consequentemente, se furtar à eventual aplicação da lei penal".

Segundo ele, a entrega voluntária dos passaportes não impede a fuga, porque elas podem obter outro documento na Embaixada Britânica e viajar.

Nicolau explicou ainda que não cabe fiança até que as fichas de antecedentes criminais das acusadas sejam analisadas, o que será requerido por ele junto à Polícia Federal.

A audiência das inglesas deve ser marcada na próxima semana, quando houver um intérprete para traduzir às rés a sentença.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos