Professores começam a receber treinamento sobre prevenção no Paraná

Lúcia Nórcio Da Agência Brasil Em Curitiba

No Paraná, onde as aulas de 1,4 milhão de estudantes da rede estadual estão suspensas até o dia 10, os 60 mil professores da rede pública passarão, a partir de hoje (3), por um treinamento sobre medidas para prevenir a influenza A (H1N1) - gripe suína. Os chefes dos 32 núcleos regionais participam hoje de reunião, em Curitiba, com a secretária da Educação, Yvelise Arco-Verde. A ideia é que eles sejam multiplicadores e repassem as informações à comunidade escolar.

De acordo com a secretaria, cada núcleo receberá um kit composto por um vídeo, um questionário que responde às dúvidas mais frequentes sobre a doença, e duas apresentações audiovisuais - uma destinada a professores, produzida pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, e outra para estudantes.

Universidades e escolas especiais, além da população em geral, também poderão acessar o material, que será disponibilizado no portal Dia a Dia Educação.

A secretaria está orientando as escolas a aumentar a divulgação das medidas preventivas, por meio de reuniões com dirigentes de associações de pais, professores e funcionários, grêmios estudantis e conselho escolar. Mas o órgão recomenda que essas atividades sejam realizadas de forma escalonada, para evitar aglomerações.

O Paraná tem 1.553 casos suspeitos da doença, 180 confirmados e quatro óbitos. Nos próximos dias, a Secretaria de Saúde deverá disponibilizar mais 300 leitos exclusivos para atendimento de pacientes com o vírus influenza H1N1, 80 leitos em Unidade de Terapia Intensiva e 50 kits com respirador, monitor e oxímetro, usados na internação de pessoas contaminadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos