Centrais sindicais fazem manifestação contra demissões e pela redução da jornada

Da Agência Brasil
Em São Paulo

Seis centrais sindicais - a Força Sindical, a Central Única dos Trabalhadores (CUT), a União Geral dos Trabalhadores (UGT), a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), a Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB) e a Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST) - e movimentos sociais realizam hoje (14) a Jornada Nacional Unificada de Lutas em vários Estados.

Em São Paulo, haverá manifestação na avenida Paulista. A concentração será na praça Osvaldo Cruz, a partir das 10h.

Os atos de protesto são contra as demissões imotivadas, pela redução da jornada de trabalho sem redução de salário e em defesa dos investimentos em políticas sociais.

Os manifestantes seguirão pela avenida Paulista até o Museu de Artes de São Paulo (Masp), onde será realizado o ato político. No trajeto da praça Osvaldo Cruz até o Masp serão realizados dois miniatos em frente à Federação das Indústrias do Estado (Fiesp) e à Petrobras.

As manifestações também vão ocorrer no Rio, Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Rio Grande do Norte e em Sergipe.

No Rio de Janeiro, a concentração será na Candelária, no centro da cidade. Dali, os manifestantes saem às 10h em passeata rumo ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos