Paraná confirma mais 21 mortes por gripe suína

Do UOL Notícias Em São Paulo

A Secretaria de Saúde do Paraná confirmou nesta sexta-feira (14) mais 21 mortes por gripe suína. Assim, sobe para 79 o número de pessoas que morreram devido a complicações relacionadas à doença no Estado.

As mortes ocorreram entre os dias 24 de julho e 13 de agosto. O boletim divulgado pela secretaria mostra que 13 pacientes eram mulheres e oito eram homens. As faixas etárias mais atingidas foram as de 20 a 40 anos e de 41 a 65 anos.

A secretaria disse que ainda não há informações sobre fatores de risco nos pacientes. Estes fatores aumentam a chance de o paciente desenvolver complicações após ser infectado pelo vírus da gripe suína.

Os principais grupos de risco para a doença são as gestantes, as crianças com menos de dois anos, pessoas que sofrem de obesidade e pacientes com doença pulmonar ou cardíaca crônica, insuficiência renal crônica, diabetes, hemoglobinopatias ou deficientes no sistema imunológico, como o HIV.

De acordo com o boletim do governo estadual, o Paraná tem 1.283 casos confirmados de influenza A (H1N1), incluindo as 79 mortes. Outros 1.704 casos foram descartados por exames laboratoriais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos