Ministério da Saúde confirma 368 mortes pela nova gripe no Brasil

Do UOL Notícias Em São Paulo

Em novo boletim divulgado nesta terça-feira (18), o Ministério da Saúde informa que 368 já morreram no país em decorrência da nova gripe. Os dados referem-se a dados repassados pelas secretarias estaduais e municipais de saúde até o dia 15 de agosto. Segundo balanço divulgado individualmente pelas secretarias estaduais até esta terça, entretanto, o número de mortes chega a 380.

De acordo com os dados do ministério, São Paulo é o Estado mais atingido, com 151 óbitos, seguido pelo Paraná (81), Rio Grande do Sul (68), Rio de Janeiro (45), Santa Catarina (10), Minas Gerais (7), Paraíba (2), Rondônia (1), Mato Grosso do Sul (1), Distrito Federal (1) e Bahia (1).

Entre as vítimas, 46 eram gestantes (12,5%). Segundo o ministério, em mais da metade dos casos de morte (50,3%), os pacientes apresentavam fatores de risco, como gravidez, doenças respiratórias, cardiopatias ou deficiências no sistema imunológico. Segundo a faixa etária, a maior proporção de casos graves confirmados está nas pessoas que têm entre 30 e 49 anos e entre 15 e 24 anos.

O boletim afirma que o número absoluto de casos graves do novo vírus diminuiu na última semana, o que pode indicar que a doença está recuando no país. O ministério reconhece, entretanto, que muitas secretarias ainda não notificaram todos os casos ao governo federal.

A taxa de mortalidade da influenza A (H1N1) no Brasil é de 0,19 óbitos por 100 mil habitantes. O país ocupa a 9ª posição entre os países com os maiores números absolutos de morte. Argentina (1,0), Chile (0,65), Uruguai (0,65), Costa Rica (0,63), e Paraguai (0,61) têm as maiores taxas.

"Os países do hemisfério sul, que estão no inverno, continuam registrando aumento no número de casos e de mortes, ao contrário dos países do hemisfério norte, que estão no verão, quando a transmissão é significativamente reduzida", diz ainda a nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos