Homem mata ex-companheira e tenta suicídio em um dos pontos mais movimentados de Belo Horizonte

Rayder Bragon
Especial para o UOL Notícias
Em Belo Horizonte

Um homem de 35 anos, que matou a tiros a ex-namorada e depois tentou se matar, permanece em estado grave no Hospital de Pronto-Socorro João 23, em Belo Horizonte. O crime ocorreu na noite desta sexta-feira (4), por volta das 21h30, na Praça 7, centro da capital mineira, em um dos locais de maior movimento de pessoas.

Segundo a Polícia Militar, o assassinato ocorreu em frente a uma banca de revista localizada na Avenida Afonso Pena, no quarteirão fechado da rua Rio de Janeiro.

Ainda de acordo com a PM, a mulher, de 30 anos, foi alvejada pelo ex-companheiro com quatro tiros, sendo 3 no rosto. Em seguida, ele atirou contra a própria cabeça.

Ele está entubado no setor de politraumatismo e, segundo a assessoria do hospital, os médicos informaram que o estado dele é delicado. Não há previsão de ele ser submetido a alguma intervenção cirúrgica.

Pela manhã deste sábado (5), conforme relato da Polícia Civil, familiares da vítima foram ao IML (Instituto Médico Legal) de Belo Horizonte para reconhecer o corpo, que permanece no instituto.

De acordo com reportagem do site do jornal "O Tempo", o casal teve um relacionamento de 7 anos, marcado por brigas frequentes. A Polícia Civil informou à reportagem do UOL Notícias que o casal estava separado, o que é um indício de crime passional, mas não adiantou qual será a linha de investigação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos