Manifestantes usam desfile de 7 de Setembro para protestar contra Sarney

Claudia Andrade
Do UOL Notícias
Em Brasília

Um grupo de estudantes e de pessoas da sociedade civil aproveitou nesta segunda-feira o desfile de 7 de Setembro na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, para protestar contra o presidente do Senado, José Sarney.

Logo depois da passagem da esquadrilha da fumaça francesa, eles começaram a gritar "Fora Sarney, ladrão". Os manifestantes estavam com o nariz pintado de vermelho, carregavam faixas e cartões vermelhos -- em referência ao discurso do senador Eduardo Suplicy no dia 25/8.

"A gente só quer mostrar nossa indignação perante o Senado", explicou Alexandre Fortunato, estudante de arquitetura da Universidade de Brasília (UnnB) e integrante do movimento.

Nas faixas, era possível ler: "Não aos atos secretos", "Acorda, Brasil" e "Liberté, Egalité, Fraternité, cadê?" (Liberdade, Igualdade e Fraternidade, lema da Revolução Francesa).

Na sequência, o grupo Crítica Radical, que veio do Ceará, começou a se manifestar sobre o ex-ativista italiano Cesare Battisti. Eles dizem que vão ficar em Brasília até quarta-feira, quando o Supremo Tribunal Federal julga o pedido de extradição para a Itália do ex-terrorista Cesari Battisti.

"STF, extraditar Cesare é modernizar a inquisição", diz uma das faixas que o grupo carrega.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos