Tornado pode ter causado os estragos em Santa Catarina; vendaval atingiu mais de 2.000 construções

Luiz Nunes
Especial para o UOL Notícias
Em Florianópolis

A Defesa Civil de Santa Catarina investiga se um tornado que afetou a província de Missiones, na Argentina, foi o mesmo fenômeno que causou quatro mortes no Estado. Em território argentino, foram oito os óbitos registrados.

Tornado na Argentina pode ter atingido o Brasil

Ao menos oito pessoas, incluindo sete crianças, morreram e outras 40 ficaram feridas na passagem de um tornado pela Província argentina de Misiones, nordeste do país, na fronteira com Brasil e Paraguai; os efeitos do fenômeno podem ter atingido o sul do Brasil

De acordo com a Defesa Civil, não há número consolidado de pessoas desabrigadas ou desalojadas. A conta atual é feita pelo número de casas atingidas - no total, são 2.300 residências ou estabelecimentos comerciais.

"Nós vamos estar in loco para confirmar, mas eu não tenho dúvidas de que foi um tornado, em razão do tipo de destruição", aponta o diretor do órgão, major Márcio Luiz Alves.

Além das quatro mortes, pelo menos 64 pessoas ficaram feridas. Dessas, 44 estão hospitalizadas.

Treze municípios repassaram informações sobre danos estruturais. Emergencialmente, a Defesa Civil deve levar colchões e telhas aos locais mais atingidos. Antes do socorro, o órgão solicitou que as prefeituras providenciassem lonas para garantir perda menor do patrimônio das áreas danificadas.

Parte da região oeste de Santa Catarina está sem energia elétrica. Cerca de 100 mil pessoas foram afetadas. Na cidade de São José dos Cedros, cinco torres de alta tensão caíram em razão dos fortes ventos de mais de 120 quilômetros por hora.

Técnicos das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) têm dificuldades de acessar aos locais afetados. "Não acredito que em 24 horas a gente consiga recolocar em operação, mas vamos tentar realimentar a região com energia, mesmo que seja de qualidade inferior", afirmou o engenheiro Eduardo Sitônio, diretor técnico da Celesc.

Foram registrados problemas ainda no litoral norte do Estado. Em Penha, cem casas ficaram destelhadas. No Vale do Itajaí, o abastecimento de energia elétrica foi prejudicado em 12 municípios.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos