Governador de SC pede liberação imediata de recursos federais para vítimas da chuva

Do UOL Notícias
Em São Paulo

O governador de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira (PMDB), deve encaminhar nesta quinta-feira (10) a avaliação dos danos provocados pelas chuvas, vendavais e tornados em 64 municípios e pedir a liberação imediata de recursos do Ministério da Integração Nacional para o socorro e assistência às vítimas.

De acordo com o governo estadual, são necessários pelo menos 5.000 colchões e entre 400 mil e 500 mil telhas para atender a população que teve suas casas devastadas.

Ontem, o governador decretou situação de emergência no Estado. Já o município de Guaraciaba decretou estado de calamidade pública.

O último boletim da Defesa Civil Estadual de Santa Catarina informa que mais de 17 mil pessoas tiveram que deixar suas casas devido às intempéries que atingiram o Estado desde a noite de segunda.

Ao todo, há 1.478 desabrigados em SC, 16.115 desalojados e 286 pessoas deslocadas de suas residências. Em todo o Estado, mais de 88 mil pessoas foram atingidas e 17.131 edificações sofreram alguma avaria. Quatro pessoas morreram - todas no município de Guaraciaba - e 170 ficaram feridas em todo o Estado.



Tornado
O Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri/Ciram) confirmou que três tornados atingiram três cidades de Santa Catarina na madrugada de ontem, causando mortes, ferimentos e desabamentos. As cidades atingidas foram Guaraciaba, Santa Cecília e Salto Veloso.

De acordo com a meteorologista Francine Gomes, do Epagri/Ciram, os tornados atingiram a categoria F1 na Escala Fujita de classificação de tornados - que vai de F0 a F6 -, com ventos entre 120 a 180 km/h.

Segundo Gomes, ainda está sendo apurado se outras localidades podem ter tido tornados. "Não se pode descartar que pode ter tido", disse. Em outros locais do Estado, segundo ela, foram registrados ventos acima de 100 km/h, o que pode caracterizar um tornado.

Para o diretor da Defesa Civil de Santa Catarina, major Márcio Luiz Alves, a previsão de chuvas preocupa. "A previsão de chuvas intensas para o restante da semana ainda preocupa. A possibilidade de acúmulo de água no solo mantém o alerta", afirmou.

Doações para Guaraciaba

A Defesa Civil e a Prefeitura de Guaraciaba anunciaram duas contas para o depósito de auxílio financeiro às famílias atingidas pela tempestade. Os depósitos podem ser efetuados na conta 30.000-4, agência 1388-9, Banco do Brasil, em nome da Mitra Doações Guaraciaba, e na conta 40.000-4, agência 1388-9, SOS Guaraciaba/SC.



Guaraciaba
A cidade de Guaraciaba, no extremo oeste do Estado, foi a mais afetada pelas chuvas e vendavais. O último boletim da Defesa Civil Estadual apontava a morte 4 pessoas na cidade, além de outras 89 que ficaram feridas. A chuva prejudicou 9.100 pessoas em Guaraciaba e 15 comunidades foram atingidas, com diversas residências, salões comunitários, aviários e galpões destruídos. Há 250 pessoas desabrigadas e 7.368 desalojadas. Na cidade, 667 edificações sofreram algum dano, sendo que a casa de 60 famílias foi completamente destruída e outras 120 foram destelhadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos