Paraná confirma 14 mil casos de gripe suína e 250 mortes

Lúcia Nórcio Da Agência Brasil Em Curitiba

O Paraná tem 14.009 casos confirmados de influenza A (H1N1) - gripe suína -, de acordo com o último boletim da Secretaria da Saúde. Até agora, 250 pessoas morreram no estado por causa da doença.

As mortes ocorreram entre 14 de julho e 24 de setembro. Distribuídas por sexo e faixa etária, 56% dos óbitos foram de mulheres e 44%, de homens. Quanto à faixa etária, 60% ocorreram em pessoas que tinham entre 20 e 49 anos, 21,2% entre 50 e 59 anos e 9,2% entre 5 e 19 anos.

Curitiba e região metropolitana permanecem com o maior número de casos confirmados (5.244), Cascavel (1.480), Cornélio Procópio (1.217), Francisco Beltrão (1.118) e Pato Branco (1.023). As regiões com maior número de óbitos são Curitiba e região (81), Cascavel (20), Foz do Iguaçu (19), Maringá (19).

De acordo com a Secretaria da Saúde, a etapa mais intensa da epidemia da influenza A (H1N1) - gripe suína - já passou. A fase agora, com a chegada da primavera, é de estabilização.

A tendência é que haja uma redução de casos da doença, mas a recomendação da secretaria é para que a população não baixe a guarda, mantendo os cuidados com a higiene, lavando as mãos e mantendo janelas abertas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos