Helicóptero doado pelo Ministério da Justiça a Alagoas cai em Maceió

Carlos Madeiro
Especial para o UOL Notícias
Em Maceió

O helicóptero pertencente à Secretaria de Defesa Social (SDS) de Alagoas caiu na tarde desta segunda-feira (19) em um conjunto habitacional no bairro do Tabuleiro dos Martins, na periferia de Maceió. A aeronave estava com dois tripulantes, que tiveram apenas ferimentos leves, foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e passam bem.

Segundo testemunhas, o helicóptero perdeu o controle quando sobrevoava uma das principais avenidas da capital alagoana, a Via Expressa. A aeronave caiu sobre o muro de uma casa em construção, na rua Inhabuz, mas não atingiu nenhuma pessoa na hora da queda.

Embora não tenha explodido, a colisão deixou o helicóptero completamente destruído. Ainda não há pistas sobre as causas do acidente. Segundo a SDS, a investigação sobre os motivos do acidente será feita pelo Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

A aeronave era de pequeno porte e tinha capacidade para apenas dois passageiros. Utilizada para reforçar o policiamento no Estado, a aeronave era a única utilizada para patrulhamento em Alagoas.

Segundo a assessoria da SDS, todas as manutenções da aeronave foram realizadas nas datas corretas. Segundo um militar ouvido pelo UOL Notícias, o helicóptero passou por manutenção preventiva na última semana e não apresentava nenhum problema mecânico aparente. O piloto do helicóptero, coronel Júnior, tinha mais de 1.500 horas de voo e é considerado um dos mais experientes do Estado.

Histórico
O helicóptero da SDS tinha pouco mais de dois anos de uso e foi doado pela Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública), do Ministério da Justiça, em março de 2008. De fabricação norte-americana, o modelo H 269 custou R$ 885 mil. Sete deles foram utilizados pela Força Nacional de Segurança durante os jogos Pan-Americanos de 2007 e depois doados a governos estaduais.

Este é o segundo acidente com helicópteros do Estado em pouco mais de três anos. Em março de 2006, um helicóptero alugado pela secretaria para reforçar a atuação da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros caiu na lagoa Manguaba quando fazia um resgate. Dois pilotos, dois salva-vidas e uma criança de dez anos, que estava sendo socorrida, estavam na aeronave. Ninguém se feriu.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos