Parentes reclamam de relatório da PF sobre acidente da TAM

Claudia Andrade
Do UOL Notícias
Em Brasília

O relatório final da Aeronáutica sobre o acidente da TAM, que matou 199 pessoas em 17 de julho de 2007, foi divulgado para aproximadamente 78 familiares de vítimas, que viajaram de Porto Alegre e São Paulo para Brasília em um avião da FAB (Força Aérea Brasileira).

Para Christophe Haddad, que perdeu a filha Rebeca no acidente, a questão dos treinamentos aos pilotos foi marcante.

"No acidente com o Fokker 100 da TAM, que ocorreu exatamente há 13 anos, também foi recomendado mais treinamento para os tripulantes. A TAM não cumpre essas recomendações. Será que vai se mexer agora? Ou vai esperar outro acidente? Quantos aviões estão voando com pilotos com treinamento deficiente?", questionou.

Os parentes das vítimas reclamaram do relatório da Polícia Federal, divulgado no início deste mês, que aponta culpa dos pilotos. "É leviano a PF, sem conhecimento nenhum, dizer que a culpa é dos pilotos, se a Cenipa, que tem conhecimento técnico, não tem como dizer isso", disse Haddad.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos