Chuva deixa saldo de 6 mortos e 2 desaparecidos na Grande SP; ao menos 13 morreram no Estado na última semana

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

Atualizada às 10h16

Os bombeiros continuam procurando, na manhã desta sexta-feira (4), vítimas de um deslizamento na região do Parque São Rafael, na zona leste de São Paulo, após a forte chuva que atingiu a capital nesta quinta-feira (3). Novas informações do Corpo de Bombeiros apontam que um casal está desaparecido, e não mais três pessoas (sendo uma criança) como informado anteriormente. A corporação não soube explicar se a criança foi encontrada ou se foi contabilizada por engano. Ao todo seis pessoas morreram entre ontem e hoje. A última semana de chuvas no Estado deixou ao menos 13 mortos.
  • Flávio Florido/UOL

    Chuva intensa deixou a cidade em alerta


As buscas recomeçaram hoje ao amanhecer e contam com cerca de 25 homens, além de dois cães farejadores e equipes da Defesa Civil. No mesmo deslizamento, foi resgatado ontem o corpo de um homem que morreu soterrado.

Um jovem de 16 anos morreu em um deslizamento na madrugada desta sexta-feira (4), em Mauá, Grande São Paulo. Outras quatro pessoas morreram após um deslizamento de terra durante a tarde de ontem sobre uma casa na estrada do Jararau, no bairro Chácara Nani, zona sul de São Paulo.

A chuva gerou caos na capital: toda a cidade ficou em estado de atenção pelo Centro de Gerenciamento de Emergências e foram registrados mais de 40 pontos de alagamento. A lentidão no trânsito ultrapassou os 200 km.

Acidentes na madrugada
Em Mauá, mais deslizamentos aconteceram durante a madrugada. Um casal e dois filhos, ambos adolescentes, de 16 e 17 anos, foram resgatados com ferimentos leves pelos bombeiros por volta da 1h, na rua Dona Áurea de Oliveira da Silva, no Jardim Zaira.. Todos dormiam quando a casa ruiu. O terceiro desabamento foi registrado na esquina das ruas Bem-me-quer e Flor de Outubro, na Chácara Santa Maria, deixando um ferido.

Veja imagens da chuva em SP


Na quarto caso ocorrido também em Mauá, uma mulher ficou ferida nas pernas e segue internada no pronto-socorro Nardini. A casa onde ela mora, na altura do nº 890 da avenida Cidade de Mauá, no Jardim Zaira VI, ruiu ao ser arrastada por um deslizamento de terra.

Mortes na última semana
Além das seis mortes entre a tarde de ontem e a manhã de hoje, outras vítimas morreram no Estado devido aos temporais que ocorrem desde a última sexta-feira (27).

Entre as vítimas, está um casal que morreu após ter a casa atingida por um deslizamento de terra em Pinhalzinho (a 112 km de São Paulo), na madrugada de quinta-feira, e dois homens que foram levados por enxurradas em São José dos Campos (97 km de São Paulo) e na zona leste de São Paulo, entre a sexta (27) e a última terça-feira.

Investimento de Kassab em piscinões não chega a 8%


Em Iguape (litoral paulista), um homem morreu na terça, após o barco em que estavam ser atingido por um raio durante o temporal. Um raio também foi a causa da morte de dois trabalhadores rurais morreram na última quarta-feira, em Monte Alto (a 356 km de São Paulo).

*Com informações da Agência Estado e da Folha Online

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos