Número de mortes em rodovias federais aumenta no fim do ano; MG é o Estado mais violento

Do UOL Notícias Em São Paulo

O balanço da Operação Fim de Ano, divulgado nesta segunda-feira (4) pela Polícia Rodoviária Federal, mostra que com as 455 mortes registradas em rodovias brasileiras, o aumento de incidentes foi de 4% em comparação ao mesmo período de 2008, que registrou 437 mortes em estradas. De acordo com o relatório, as chuvas que castigaram o Sudeste e o Sul do país foram determinantes para o crescimento dos desastres nestas duas regiões.

Confira o ranking dos Estados mais violentos do país:

MG89
PR41
BA33
SC26
PE26


Entre os dias 19 de dezembro de 2009 e 3 de janeiro de 2010 a Polícia Rodoviária Federal registrou 8.864 acidentes nas estradas brasileiras. A região Sudeste aparece em primeiro lugar e foi responsável por 37% do total, com 3.278 desastres. Em segundo aparece a região Sul, com 31%, seguida pelas regiões Nordeste (19%), Centro-Oeste (8%) e Norte (5%).

Segundo os dados, trânsito de Minas Gerais aparece como o mais violento com 1.626 acidentes e 89 mortes. Paraná; Santa Catarina; São Paulo e Rio de Janeiro aparecem no índice de estradas mais violentas, depois de Minas. Apesar da Bahia e de Pernambuco não aparecerem no índice de locais com maior número de acidentes, os dois Estados do Nordeste aparecem em 3º e 5º lugar, respectivamente, na lista de maior número de mortes durante a época de festas.

De acordo com a PRF, as duas ocorrências mais graves registradas em Minas Gerais, que deixaram sete mortos num intervalo de 50 quilômetros da BR-356, foram provocadas pela combinação chuva e imprudência. No dia 25, em Estrela do Sul, quatro pessoas morreram numa tentativa de ultrapassagem em curva durante um temporal. No veículo do condutor que provocou o acidente, os policiais encontraram uma lata de cerveja. Em Monte Carmelo, no mesmo dia, a PRF contabilizou mais três mortes, sendo um adulto e duas crianças.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos