Bombeiros encontram outra vítima da chuvas em Ribeirão Pires; são 9 mortos na Grande SP

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Chuva diminui e São Paulo deixa estado de atenção na noite desta quinta-feira


O Corpo de Bombeiros encontrou morta a mulher que estava desaparecida depois de um desabamento que aconteceu na madrugada desta quinta-feira (21), no município de Ribeirão Pires, na Grande São Paulo. No local, na rua Jair Donizete Bonassa, 361, Chácara Maria Francisca, foram soterrados também os filhos da vítima, identificada como Ana Lígia: uma criança e um adolescente. Pelo menos nove pessoas morreram em deslizamentos provocados pela forte chuva que caiu durante toda a madrugada de hoje na Grande São Paulo.

Além das vítimas em Ribeirão Pires, morreram três pessoas no bairro do Grajaú, zona sul de São Paulo - um casal (um homem de 36 anos e sua mulher, de 33 anos) e uma menina de nove anos -; um homem de 45 anos, morador de um barraco no bairro de Jardim Santo André, em Santo André (ABC paulista); uma mulher de 33 anos, de Mauá (Grande SP); e um aposentado de 70 anos que morava na rua Rifania, bairro da Pompeia (zona oeste de SP).

Até o final desta quinta-feira (21) ainda podem ocorrer chuvas com intensidade moderada a forte, com presença de trovoadas e rajadas de vento ocasionais em áreas isoladas do Estado. Segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), o cuidado deve ser redobrado nas regiões afetadas pelas chuvas desta madrugada, que estão com o solo encharcado. Também o elevado nível dos rios aumentaria o risco de novos alagamentos e deslizamentos de terra.
  • Rogério Cassimiro/UOL

    Motoristas aguardam escoamento da água próximo à ponto de alagamento na marginal Tietê, em São Paulo; chuva forte da madrugada gera caos na capital paulista na manhã de hoje


Segundo dados do CGE, desde o início de janeiro, a cidade de São Paulo registrou 316,9 mm de chuva, número que excede em 33% a média prevista para o mês, que é de 239 mm.

Desde a madrugada até as 13h de hoje foi registrado o índice médio de 55,5 mm de chuva na cidade. Esse número corresponde a 24% do esperado para janeiro.

Desde 1º de dezembro, segundo a Defesa Civil estadual, já morreram 59 pessoas em todo o Estado em decorrência das chuvas.

Manhã de transtornos
No início desta manhã, a situação era de caos: chegaram a ser registrados mais de 100 km de lentidão, além de 39 pontos de alagamento, 16 intrasitáveis. Vários trechos das marginais Tietê e Pinheiros ficaram alagados, prejudicando o trânsito em toda a extensão dessas vias de acesso, que são as principais ligações para várias regiões da cidade.

Além dos túneis Tribunal de Justiça e Ayrton Senna, durante a madrugada, até o início da manhã, outros túneis, como o Max Feffer (av. Cidade Jardim), Fernando Vieira de Mello (av. Rebouças) e Prestes Maia (no Vale do Anhangabaú) também foram interditados e liberados às 07h30.

As chuvas da madrugada também causaram problemas nas estradas que acessam a capital paulista, causando enormes congestionamentos pela manhã. Com a liberação do acesso às marginais pela CET, o tráfego voltou a fluir nas rodovias.

As rodovias Raposo Tavares e Castello Branco apresentavam trânsito normal, depois de registrarem congestionamento pela manhã. No sistema Anhanguera-Bandeirantes também havia fluidez, após chegar a 10 quilômetros de trânsito parado nas duas rodovias por causa dos alagamentos na marginal do Tietê. Nas rodovias Fernão Dias, Régis Bittencourt e Presidente Dutra o tráfego estava normal, também depois de apresentarem lentidão pela manhã em razão dos alagamentos.

A chuva causou o transbordamento do córrego Jaguaré, no Butantã (zona oeste), do córrego Morro do "S", em Campo Limpo (zona sul) e do rio Tamanduateí, no Ipiranga (zona sul). Às 4h, Butantã e Campo Limpo não estavam mais em estado de atenção, porém o Ipiranga continuava. Segundo o CGE, o Butantã era o bairro mais afetado pelos alagamentos.

*Com informações da Agência Estado

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos