Chuva diminui, e SP sai do estado de atenção; congestionamento segue acima da média

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Atualizada às 17h27

Por volta das 16h, o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) tirou a cidade de São Paulo do estado de atenção. Na capital há apenas variação de nuvens sem registro de chuvas. Entretanto, nas próximas horas ainda podem ocorrer novas pancadas de chuva em pontos isolados.

Por volta das 17h25, apenas a avenida Pedro Álvares Cabral, na altura do viaduto dos Imigrantes, permanecia alagada.

Segundo os meteorologistas do CGE, amanhã (11) a situação não muda muito e as chuvas fortes devem chegar a partir do início da tarde. A partir da sexta-feira, a instabilidade atmosférica diminui gradativamente e as chuvas passam a ocorrer de forma mais isolada e com curta duração.

O órgão da prefeitura ainda afirma que as chuvas fortes e generalizadas devem voltar a partir do fim da terça-feira, quando uma frente fria avança em direção ao Estado de São Paulo.

Trânsito
Às 17h26, a capital paulista tinha 82 km de vias congestionadas (9,8% dos 835 km monitorados), índice considerado acima da média para o horário.

Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), a via mais lenta da capital era a pista expressa da marginal Pinheiros, sentido Interlagos, da ponte Eusébio Matoso até a Castello Branco, com 7,4 km de filas. No corredor norte-sul, sentido Santana, do viaduto Pedroso até pouco depois da avenida dos Jamaris eram 5,6 km de congestionamento.


 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos