Queda de árvores em SP é a maior em dois anos, segundo levantamento dos bombeiros

Arthur Guimarães
Do UOL Notícias
Em São Paulo

  • Fred Chalub/Folha Imagem

    Bombeiros retiram no final de janeiro árvore que caiu em cima de carros na rua Pedroso Alvarenga, na zona sul: acidente causou transtorno no trânsito

Dados tabulados pelo Corpo de Bombeiros indicam que o número de ocorrências de quedas de árvores registradas na capital paulista em 2010 – assim como o total de vítimas desses acidentes – supera os índices do mesmo período computados em 2008 e 2009.

Como mostram as planilhas da corporação, foram 1.130 atendimentos entre 1º de janeiro e o dia 8 de fevereiro deste ano. Uma pessoa morreu e sete ficaram feridas.

Em 2009, por exemplo, o total registrado ficou em 1.065, com seis vítimas (quatro feridos e duas mortes). Em 2008, foram somente 755 quedas, com sete vítimas (seis feridos e uma morte).

Neste ano, 604 chamados foram por quedas em via pública e 429 em edificações. Foram atendidos ainda 97 casos de árvores que caíram sobre veículos que transitavam pelas ruas do município. Esse é o tipo de evento que mais deixou feridos em 2010: foram seis, incluindo o falecimento.


Segundo a secretaria Municipal de Subprefeituras, órgão que cuida da vegetação que fica nas vias públicas, as principais causas para a situação são as fortes chuvas, a poda irregular, o ataque de fungos e insetos, além das intervenções clandestinas.

Em 2009, segundo a secretaria, foram 12.231 pedidos de remoções de árvores feitos por munícipes e aprovados por técnicos da prefeitura. Nem todos os chamados, no entanto, foram atendidos.

Apenas 9.400 (76%) foram executados, deixando algumas árvores tidas como perigosas nas ruas. Vale lembrar que, em grandes avenidas, a remoção é feita sem necessidade de pedidos formais: foram cerca de 6.000 no ano passado.

O órgão informou ainda que cerca de 700 pessoas trabalham na conservação das áreas ajardinadas da cidade, sendo que o efetivo é 30% maior em épocas de chuva.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos