PF faz operação para combater contrabando no Paraná

Lúcia Nórcio
Da Agência Brasil
Em Curitiba

A Polícia Federal realiza desde ontem (9), em Guaíra, às margens do Rio Paraná, a Operação Sentinela. Participarão também da operação, destinada a combater crimes praticados na região, como contrabando e tráfico de armas e drogas -, a Força Nacional de Segurança Pública, a Polícia Militar, a Marinha, a Polícia Rodoviária Federal, a Receita Federal e a polícia estadual.

Segundo o delegado Érico Saconatto, a previsão é de que a operação prossiga nos próximos dois meses, podendo se estender até o fim do ano. Os 120 policiais que estão na cidade para desenvolver a ação são treinados para auxiliar forças policiais locais em questões que envolvam segurança pública.

Em 2006, de acordo com a PF, cerca de 30 mil pessoas ingressavam mensalmente no país procedentes de Salto del Guairá, no Paraguai. Em 2009, esse número saltou para 420 mil pessoas. Isso, segundo o delegado, justifica uma atuação ostensiva e com a colaboração de diversos órgãos.

Mato Grosso do Sul e o Amazonas, estados que fazem fronteira com outros países, também vão participar da Operação Sentinela. Hoje (10), já foram apreendidos 30 quilos de maconha na rodoviária de Guaíra, que estavam na bagagem de uma mulher. Ela disse que distribuiria a droga no município de Maringá. 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos