Piauí investiga casos suspeitos de gripe suína em grávidas

Carolina Pimentel
Da Agência Brasil
Em Brasília

O governo do Piauí investiga quatro casos suspeitos de influenza A (H1N1) – gripe suína em grávidas. Na semana passada, o governador Wellington Dias decretou situação de emergência depois da morte de duas grávidas com suspeita de terem a doença. Com essa medida, a intenção do governo era facilitar a compra de equipamentos e a contratação de funcionários.

 

No último fim de semana, três gestantes morreram. Segundo boletim da Secretaria de Saúde estadual, os exames de duas delas deram resultados negativos para a gripe. O terceiro caso está sob análise.

 

Anteriormente, já foram registradas as mortes de seis gestantes, sendo cinco na capital Teresina e uma na cidade de Bom Jesus, sul do estado - todas com sintomas da gripe. Até o momento, três resultados deram negativos para a gripe e o órgão aguarda os exames das outras três mulheres, realizados pelo Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo.

 

O estado já registrou sete casos da doença do primeiro dia de janeiro até ontem (28). Os pacientes estão em tratamento, de acordo com a secretaria. Estão sob investigação também outros 34 casos suspeitos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos