Mais quatro municípios do Rio terão antecipado o pagamento do Bolsa Família

Da Agência Brasil

No Rio de Janeiro

O Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) antecipará o pagamento do Bolsa Família para quatro municípios do Rio de Janeiro que foram afetados pelo temporal que atingiu o Estado na semana passada. A estimativa é de que os valores somem cerca de R$ 19,78 milhões.

As cidades de Araruama, Itaboraí, Maricá e Tanguá se juntam aos municípios do Rio de Janeiro, de Niterói e São Gonçalo, já beneficiados pelo governo federal, e também terão o pagamento antecipado do Bolsa Família para a próxima sexta-feira (16). O MDS também distribuirá alimentos, como feijão, arroz, leite em pó e açúcar, como forma de ajudar as famílias atingidas pelas enchentes e deslizamentos de terra.

O calendário anual do programa prevê o pagamento dos benefícios no período de 16 a 30 de abril. As famílias são divididas em grupos, conforme o final do Número de Identificação Social (NIS). Por essa regra, a família cujo NIS terminar em 9 só receberia no dia 29 de abril. Agora, com a liberação integral, ela poderá sacar os valores no dia 16 de abril.

O beneficiário que perdeu o cartão do Bolsa Família e os documentos deve procurar a prefeitura de seu município e solicitar uma declaração que permitirá o saque do benefício sem o cartão.

O número de famílias que integram o Bolsa Família no município do Rio de Janeiro é de 158,7 mil. Em São Gonçalo, são 42 mil famílias; Niterói tem mais 13 mil; Araruama, 7.457 famílias; Itaboraí, 13.532; Maricá, 5.288 famílias e em Tanguá este número chega a 2.695. Em todo o Estado do Rio de Janeiro, 655,6 mil famílias recebem o benefício, de acordo com dados do MDS.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos