Estilista e socialite são encontrados mortos em Arraial D'Ajuda (BA)

Especial para o UOL Notícias

Em Salvador

O estilista mineiro Joaquim Nogueira Neto, 55, e a socialite Clarisse Lerman, 62, foram encontrados mortos no final da tarde desta quinta-feira (22) em Arraial D’Ajuda, no sul da Bahia, um dos principais pontos turísticos do Estado. De acordo com o delegado Rafael Zanini, uma empregada doméstica disse que encontrou o corpo da socialite na sala, quando chegou para fazer a limpeza na casa que o estilista mantinha em Arraial D’Ajuda.

Assustada, a mulher, cujo nome não foi revelado para preservar as investigações, deixou rapidamente a casa e chamou a polícia. Quando chegaram ao local, os policiais tiveram outra surpresa: o corpo do estilista foi encontrado em um dos quartos da residência. Zanini diz que uma análise preliminar dos peritos revela que Nogueira Neto e Lerman estavam mortos há pelo menos dois dias. “Foi um crime muito cruel porque as vítimas apresentavam sinais de perfurações no pescoço e no rosto”, afirmou.

Nesta noite, a polícia descartou a possibilidade de latrocínio. “Não houve arrombamento e nada foi roubado.” O delegado disse que a polícia trabalha com a possibilidade de duplo homicídio.

Os corpos do estilista e da socialite foram encaminhados para o Instituto Médico Legal de Porto Seguro, onde seriam periciados esta noite. Segundo a polícia, Joaquim Nogueira Neto e Clarisse Lerman tinham uma galeria de arte em Belo Horizonte, eram amigos e costumavam passar as férias e feriados prolongados no sul da Bahia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos