Débitos não autorizados em conta corrente lideram reclamações contra bancos

Kelly Oliveira

Da Agência Brasil

Brasília – Os débitos em conta não autorizados estão no topo do ranking de reclamações feitas ao Banco Central (BC). Dados sobre denúncias e reclamações são consolidados mensalmente pelo BC e os débitos não autorizados lideraram a lista em fevereiro e março deste ano. No mês passado, foram 123 reclamações, contra débitos não autorizados, consideradas procedentes pelo BC, ou seja, demandas em que se constatou descumprimento de normativos do Conselho Monetário Nacional (CMN) ou da autoridade monetária.

Em segundo lugar nas reclamações, ficaram os saques ou depósitos divergentes, no total de 79. Outros 67 registros referem-se a operações não reconhecidas pelos clientes. Em quarto lugar, com 48 casos, estão restrições aos canais de atendimento convencionais e, em quinta posição, com 46 registros, problemas no encerramento de contas. Confira o ranking completo no site do BC.

O chefe do Departamento de Prevenção a Ilícitos Financeiros e de Atendimento de Demandas de Informações do Sistema Financeiro do BC, Ricardo Liáo, afirmou à Agência Brasil que cerca de 80% dos casos considerados procedentes são resolvidos após chegarem ao BC. Os clientes bancários podem ainda recorrer à Justiça caso se sintam prejudicados.

De acordo com Liáo, as informações do ranking de reclamações serão ampliadas. A ideia é acrescentar, além dos números absolutos sobre reclamações, dados como número de clientes do banco e localização da instituição. Isso porque um banco com maior número de clientes pode ter maior número de reclamações. “Vamos melhorar, enriquecer as informações desse ranking e, assim, facilitar a interpretação”, disse.

Segundo Liáo, atualmente as informações sobre reclamações de clientes bancários são “alimento” para a ação de fiscalização do BC. “São situações trazidas entre denúncias e reclamações que podem envolver legislação bancária e regulamentação do Banco Central”.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos