Polícia busca foragido do esquema de venda de sentenças no TRE-MT

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

A Polícia Federal informou nesta quinta-feira (19) que continua as buscas por uma pessoa foragida após deflagar ontem a Operação Asafe, em Mato Grosso, para desmontar uma quadrilha suspeita de envolvimento em um suposto esquema de venda de sentenças instalado no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Estado. Oito pessoas foram presas.

A PF disse ainda que as oito pessoas presas, sete já foram ouvidas e outras seis devem prestar depoimento hoje.

Entre os presos estão Alcenor Alves de Souza, advogado e ex-prefeito de Alto Paraguai (MT), e a advogada Célia Cury, mulher do desembargador aposentado José Tadeu Cury, afastado do TJ por suspeita de desvio de verbas, além do
advogado Jarbas Nascimento, ex-chefe de gabinete de Tadeu, e Cláudio Emanuel Camargo, empresário e genro do ex-desembargador.

O nome da operação - Asfale - é uma referência ao profeta que escreveu o salmo bíblico 82, que questiona "até quando julgareis injustamente?". Participaram da ação 130 policiais.

* Com informações da Folha de S.Paulo

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos