Peruano é preso em SP acusado de manter grupo em regime de trabalho escravo

Do UOL Notícias
Em São Paulo

A Polícia Civil de São Paulo prendeu nesta terça-feira (29) o peruano José Bruno Ferrari Tineo, 44, acusado de manter quatro paraguaios em regime de trabalho escravo, em uma casa na rua Silva Teles, no Pari, região central da capital.

As investigações foram realizadas por policiais da 3ª Delegacia de Polícia de Investigações sobre Infrações Contra as Relações de Trabalho, Organização Sindical e Acidentes de Trabalho, do DPPC (Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania).

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, o grupo trabalhava mais de onze horas e residia no local, sem qualquer condição de higiene.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos