Senado aprova criação de mais de 10 mil vagas para Ministério Público

Camila Campanerut

Do UOL Notícias
Em Brasília

A CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania) do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) um projeto que prevê a criação de 10.479 cargos e funções no Ministério Público da União. A proposta vai à sanção do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Os novos funcionários irão compor os quadros de pessoal de quatro setores do MPU: Ministério Público Federal, o Ministério Público do Trabalho, o Ministério Público Militar e o Ministério Público do Distrito Federal.

De autoria do próprio Ministério Público da União, a proposta foi aprovada na Câmara dos Deputados e apoiada pelo senador Demóstenes Torres (DEM-GO), relator da matéria no Senado.

A justificativa da ampliação de vagas foi a comparação entre o número de funcionários do MP e do Poder Judiciário. O MPU conta, atualmente, com dois analistas e três técnicos para cada um de seus membros. A relação deve ser alterada para três e cinco, respectivamente, com a implementação do projeto. Já no Judiciário, a relação de analistas e técnicos por magistrado é de 24 e 33.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos