STF deve julgar constitucionalidade de decreto que criou TV digital

Da Agência Brasil
Em Brasília

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar a ação que contesta a constitucionalidade do Decreto 5.820/06, que criou o Sistema Brasileiro de TV Digital no Brasil. A sessão está marcada para as 14h.

Esta é a terceira vez que a ação entra na pauta do STF. A Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin), proposta pelo P-SOL em 2007, diz que a TV digital é um novo serviço e não apenas uma melhoria tecnológica agregada aos meios de comunicação já existentes. Alega que o decreto viola artigos da Constituição que proíbem a formação de oligopólios e monopólios e estabelecem que as concessões sejam avaliadas pelo Congresso Nacional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos