Após acidente com catamarã, tempo médio de espera pelas barcas que fazem travessia Rio-Niterói é de 1h

Daniel Milazzo
Especial para o UOL Notícias
No Rio de Janeiro

O acidente com o catamarã Ingá 2, que saiu da Praça 15, no Rio de Janeiro, e estava chegando a Niterói quando sofreu uma pane elétrica e teve que realizar uma manobra de emergência no aterro do Gragoatá, está provocando atrasos no embarque de passageiros que utilizam as barcas para transporte marítimo entre as cidade do Rio de Janeiro e de Niterói.

O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 8h da manhã. A embarcação, que levava 376 pessoas, chocou-se contra as pedras próximo à estação Araribóia. O acidente deixou pelo menos 15 pessoas feridas, segundo o Corpo de Bombeiros. Elas foram levadas para o Hospital Azevedo Lima e para o Centro Policlínico de Niterói. 

De acordo com a concessionária Barcas S/A, responsável pelo transporte marítimo, o tempo médio para embarcar neste momento é de uma hora. O serviço não está completamente suspenso, mas funciona com capacidade muito reduzida devido ao incidente com o catamarã.

A Barcas S/A aconselha a população a procurar outros meios de transporte até que o serviço seja normalizado. Ainda não há previsão para que isso ocorra, segundo a empresa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos