Acordo encerra greve de coveiros no cemitério do Caju, no Rio de Janeiro

Daniel Milazzo
Especial para o UOL Notícias
No Rio de Janeiro

Durou pouco a greve de coveiros do cemitério do São Francisco Xavier, no Caju, zona portuária do Rio de Janeiro. Na manhã desta quarta-feira (23), cerca de 30 coveiros decidiram parar de trabalhar, argumentando que ainda não receberam o salário referente a fevereiro. Algumas famílias tiveram que esperar a resolução do impasse para ver o corpo de seus familiares serem enterrados.

No início da tarde, os coveiros e membros da Santa Casa de Misericórdia, que administra o cemitério, chegaram a um acordo. Os trabalhadores terão o dinheiro até o final do dia. Com isso, eles voltaram a suas atividades normais. A Santa Casa administra 11 cemitérios municipais, dois particulares e um crematório na capital fluminense. O piso salarial dos coveiros é R$ 605.

“Isso não é reivindicação, isso é um direito”, comentou Sérgio Antônio Alves do Carmo, vice-presidente do SindFilantrópicas (Sindicato dos Empregados em Instituições Beneficentes, Religiosas e Filantrópicas do Estado do Rio de Janeiro).

Segundo a categoria, os cerca de 700 funcionários de outros cemitérios na cidade e 500 da própria Santa Casa estão com salários de fevereiro atrasados. Além disso, o vice-presidente do sindicato acusa a Santa Casa de não recolher o imposto da previdência social nem o fundo de garantia dos trabalhadores, além de contratar funcionários sem carteira assinada.   

Em nota, a Santa Casa da Misericórdia alega que "não há irregularidades no pagamento dos direitos trabalhistas dos funcionários de cemitérios administrados pela Santa Casa". A instituição afirma não haver problemas com o pagamento dos salários de fevereiro e acrescenta que "o pagamento do salário do mês de março está sendo regularizado e, até amanhã, os valores já estarão disponíveis nas respectivas contas dos funcionários".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos